Como usar a falta de inspiração para se inspirar

Eu acho engraçado como a gente costuma reclamar de barriga cheia. Ontem reclamei que não estava com inspiração para produzir conteúdo, e veja só: consegui publicar no Instagram, no meu Blog Pessoal e no Facebook. Mas o ego insiste em ficar incomodado. Por quê?

Escrevo na internet há mais de 10 anos. Não divulgo todos os textos, mas tenho centenas de ideias formais e informais expressas – umas com muita inspiração, outras nem tanto.

Aí, eu  olho pra trás e me questiono como que eu pude ter tanta inspiração no passado – quando escrever era apenas uma atividade sem importância – e agora, quando realmente preciso produzir conteúdo (porque faz parte do meu trabalho) parece que a criatividade vai tirar férias no Tibet e não tem previsão para voltar?

Isso me deixa louca!

Mas não é a primeira vez que isso acontece, pois eu já tive crises de inspiração e criatividade antes. e sempre consegui sair por cima.

Porque utilizo a falta de inspiração para me inspirar.

Isso, não tem segredo. Em vários dos meus conteúdos, eu escrevo sobre a falta de ideias para escrever. É um grande Inception.

Isso me leva a acreditar que tudo, absolutamente tudo pode servir para inspirar, por mais “negativo” que pareça: a falta de jeito para fazer suas atividades, a inabilidade em lidar com as adversidades, as fraquezas que temos nos enfrentamentos diários, os pensamentos construtivos e destrutivos que temos.

Tudo pode ser inspiração. Basta querer usar as dificuldades a seu favor. 

Já parou pra pensar que o que nos une e faz com que nos identifiquemos uns com os outros são as nossas fraquezas?

Hoje, a internet sobrevive de muitas aparências – afinal, todo mundo é guru de alguma coisa, criador de outra, descobridor de sabe-se lá que trem. Tem fórmula pra não sei quê, um método de não sei quê lá. Sinceramente, não sei se funcionam, não conheço e nem testei todos.

Mas uma coisa eu sei, porque pratico: se você aplica seu coração no que você está entregando pras pessoas, independente da natureza do conteúdo, o sucesso é certeiro.

Ser uma pessoa verdadeira conquista as pessoas, engaja, conduz e inspira. A verdade atrai pessoas alinhadas com a verdade. Se existe ilusão, é porque há quem consuma ilusão.

Escolher falar das nossas dificuldades é difícil, pois desafia nosso próprio ego, pois ele pensa “vou ser julgado, as pessoas não vão gostar mais de mim”. Porque o ego sempre quer vencer, sair por cima, contar vantagem. Mas, de novo, não somos ótimos o tempo todo.

E tudo bem não ser forte. Tudo bem demonstrar fraqueza. Tudo bem assumir suas dificuldades. Tudo bem não saber lidar com adversidades. Tudo bem não conseguir produzir . Tudo bem não ter inspiração hoje.

Todo segundo é uma nova chance. É questão de escolha.

Estamos juntos, lembre-se disso!

Um abraço,

Pam

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *